Conversas inacabadas

18 maio 2007

Como se o tempo fosse nosso...


Não vou pôr-te flores de laranjeira no cabelo nem fazer explodir a madrugada nos teus olhos. Eu quero apenas amar-te lentamente
como se todo o tempo fosse nosso
como se todo o tempo fosse pouco
como se nem sequer houvesse tempo.
Soltar os teus seios. Despir as tuas ancas.
Apunhalar de amor o teu ventre.
Joaquim Pessoa
Orly Frid (2006)

7 Comments:

  • At 5:02 da tarde, Blogger a said…

    Ai o tempo esse malandro que é tão pouco e tão nosso...

     
  • At 5:21 da tarde, Blogger g said…

    Tens um desafio no nosso blog.

     
  • At 1:03 da manhã, Blogger Conversas inacabadas... said…

    ai ai o tempo, meninas, que é tão precioso...pelo menos o que dedicamos aos que mais queremos ;)

    Já vi "gzinha" só não tive ainda o tal precioso tempo;))) muito obrigada por, mais uma vez, se lembrarem de mim ;)
    Beijinhos

     
  • At 10:58 da tarde, Blogger a said…

    Precisamos de conversar sobre este tempo... infinito!
    Bjs com saudades de novos posts.

     
  • At 1:30 da tarde, Anonymous Anónimo said…

    "Se pudessemos alugar o tempo... eu alugava o teu...
    Alugava as tuas lágrimas e o
    teu sorriso...
    Não os compraria... Seriam eternamente teus... mas teria "nesse tempo" o prazer de saber a que sabe esse sal e esse sol.
    (...)
    Mas não podemos alugar o que não é de ninguém...
    Contento-me, por isso, a contemplar o que que gostaria de desfrutar...
    Porque o que realmente desejamos...é o que nos satisfaz plenamente só com o olhar.
    (...)
    O tempo... esse vadio... não é de ninguém... mas mesmo assim aluga-lo-ia só para que soubesses que o "teu tempo" agora "me pertencia"."

     
  • At 10:24 da tarde, Blogger Conversas inacabadas... said…

    a. - ou sobre a falta dele...:( Beijinhos 2x2

    Anónimo(a) - que dizer?...fiquei arrepiada. Muito, muito obrigada.

     
  • At 11:12 da tarde, Blogger Carreira said…

    O tempo...sempre o tempo...mas há tempo...sempre que queremos muito!!!

     

Enviar um comentário

<< Home